quarta-feira, 12 de março de 2008

Ancoragens


Uma página interessante, sobre ancoragens ;)

4 comentários:

Profundezas disse...

Já me pendurei em sítios piores e não me queixei... ;)

Jorge Nogueira disse...

Olá Profundezas,
Isso é o que se chama coragem...;)
Há falta de melhor, que remédio :)

Yamakasi disse...

Boa tarde!!

Quanto ao pendurar em ancoragens com este aspecto, acho que toda a gente já passou por elas, ou até mesmo piores como diz o(a) profundezas, mas apenas pela falta de melhores condições (única justificação aceitável [pelo menos para mim])ou simplesmente porque não querem dar parte de fracos e até mesmo tentar mostrar que são muito corajosos e por isso arriscam-se a pendurar em qualquer porcaria que aceite um mosquetão (infelizmente já vi acontecer, e o pior é que era "guia" de uma empresa de aventura, que estava a fazer o rio com clientes).
Mas agora devemo-nos perguntar se não será melhor retirar essa podridão e trocar por ancoragens novas em INOX, que permitirão aos futuros canyonistas fazer belas descidas sem deixar os fatos "fedidos" com tanta coragem a escorrer pelo fato...
É claro que essas iniciativas só poderão ser feitas em algumas situações, nomeadamente quando:
-> O rio não faz parte de um Parque Nacional, com regras restritivas quanto ao uso-fruto dos rios para a prática do Canyonning;
-> Há boa vontade de entidades privadas que não se importam de investir nuns quantos parabolts e "perder" umas horitas a fazer uns furos em condições para substituir as relíquias ainda existente;
Entre outras que poderão ser sitadas.

Os melhores cumprimentos

António Varela

Jorge Nogueira disse...

Olá Varela,

Obrigado pela tua opinião!
Quanto ao "Guia" cada empresa tem o que merece, se investe em formação, há-de ter bons guias, senão investe...
O ideal seria que houvesse alguém responsável para que anualmente fosse verificado o estado das ancoragens e as fossem substituindo, isso já começa a acontecer em Espanha França e USA, mas infelizmente não em Portugal.
Quanto aos funcionamento dos Parques Naturais e Nacionais,isso já é politica...
Abraço